sábado, novembro 27, 2010

Recomendamos a leitura:



Sinopse:

Michael Franzese, o mais jovem mafioso na lista de «patrões da Máfia» da revista Fortune era, aos 24 anos, uma estrela em ascensão, cujos negócios geravam perto de 1 milhão de dólares por dia. Baptizado de «yuppie Don» pelos Jornais, a Vanity Fair chamou-lhe «a maior máquina de fazer dinheiro com o crime organizado desde Al Capone». Chegou inclusive ao cinema, retratado por Scorsese em Tudo Bons Rapazes. Pertencia a uma nova geração da Máfia, tendo funções semelhantes às do moderno CEO. Geria uma complexa rede de negócios - da produção de filmes às gasolineiras - e lidava com centenas de funcionários, uma agenda repleta de reuniões de quadros, contabilistas, bancos, e interesses na Bolsa. Gestor genial, com faro lendário para os negócios, o autor - que se entregou ao FBI e já cumpriu pena - revela neste livro os segredos da Máfia que podem ser aplicados num quadro empresarial legítimo. Mostra-nos como constituir uma equipa, como escolher o melhor consigliere, disseca os mais eficazes modelos de gestão. E, claro, explica-nos como fazer uma proposta que ninguém pode recusar... Lições de Gestão de Um Ex-patrão da Máfia revela aos leitores como ter sucesso num mundo onde a concorrência é cada vez mais brutal.

EXCELENTE ESTE LIVRO !!!

sexta-feira, novembro 26, 2010

Um filme clássico da década de 80 com Tim Roth

terça-feira, novembro 23, 2010

Shakin Street - Solid as a Rock featuring Ross The Boss (Dictators/Manowar)

Tiveram a sua estreia ao vivo no primeiro festival punk da França, no festival de Mont Marsan.

Músicos: Fabienne Shine (vocal); Eric Lewy (guitarra); Jean-Lou Klinowski (bateria); Mike Winter (baixo); Ross Funicello (guitarra)

Banda franco-americana formada em Paris, no ano de 1975, pela vocalista Fabienne Shine e pelo guitarrista Armik Tigrane. Com a substituição de Tigrane pelo guitarrista Ross Funicello, gravam seu segundo álbum apenas autointitulado, que garante um bom status comercial à banda. O sucesso do álbum foi garantido principalmente pela banda ter aberto alguns shows para o Black Sabbath, além de contar com as participações especiais dos guitarristas Jimmy Page (Led Zeppelin) e Buck Dharma (Blue Öyster Cult). Inclusive, o Shakin' Street foi produzido pelo mesmo produtor das bandas Black Sabbath e Blue Öyster Cult, Sandy Pearlman.

No início da década de 80, o guitarrista Ross deixa a banda temporariamente para ingressar no Manowar, sendo substituído por Andrew "Duck" McDonald, que simultaneamente passou a tocar com o Blue Cheer, durante sua turnê em meados da década de 80. Depois da dissolução do Shakin' Street, cada integrante segue seu próprio caminho: Ross se reúne com sua antiga banda, Dictators, e Fabienne segue em carreira solo no final da década de 80.

Em 2003, o selo German Ulftone lança uma versão remasterizada do álbum "Shakin' Street".

Revenge 88 ao Vivo

No começo os membros desta banda eram nem mais nem menos, que os Stagebeast, banda clássica do punk rock dos primórdios da Bélgica.

Os Stagebeast gravaram um super single no final dos anos 70, intítulado «Belgium ain´t no fun no more», que hoje em dia é uma verdadeira peça de colecção, chegando a atingir o valor de 250€ no ebay.

Os Revenge 88 hoje em dia ainda estão activos e tocam temas antigos dos Stagebeast.

Música dedicada à memória de Dee Dee Ramone pela banda Belga Revenge 88

« I wrote the lyrics to this song in memory of Dee Dee Ramone. He always was major inspiration in my life. Dee Dee wrote songs about his life; but I felt it could have been about me as well...so when he passed away I decided to write something about me, but that could be about him as well.
Revenge 88 picked up the lyrics and turned them into a song.
[co written Thomas Goze Ny WASTE]»

domingo, novembro 21, 2010

Las Perras del Infierno / As Cadelas do Inferno (Barcelona)

Isto é Rock N´ Roll !!!

sexta-feira, novembro 19, 2010

Download This Super Punk Rock Album


Belgium, 1977 : Yke had just recovered from the split of Bastard, which made history being the very first band to perform punk rock outside the USA (in the wake of The Stooges and MC5). Brian James had flew back in UK to form The Damned. His pal Louis (Royal Flash) and him wondered : "Time has come to get ourselves aware; are we ready to fight?" That's how Raxola decided to make the scene. They were the first so-called "punk" band in Belgium performing real raw power pop tunes. Guts and harmonies: the cocktail took Belgium by storm. "84 Man" became an hymn for the generation. The album released in 1978 by Philips has become legendary and Raxola gained great popularity throughout Belgium, France and Germany. In 1979 Yke and Louis were working on new material, within funky influences enlarging the punkpop basis. But Philips broke up the contract. That's how Yke, Louis and Snikkey splitted in 1980 into other musical experiences. Finally, Raxola regained fame and international success through the "Bloody Belgium" and "Bloodstains across Belgium" series. In 2003, Raxola reissued their album on CD and sold it out within 2 months. Nowadays they are back with a new single and work on a new album.


http://sharebee.com/a8483d4a

A CLASSIC BELGIUM PUNK BAND !!!

sábado, novembro 06, 2010

Punk Rock Made in Sweden : EBBA GRON

MENSAGEM AOS VANDÂLOS DA NOSSA LISBOA:

Limpar 'graffitis' da Sé de Lisboa custa no mínimo 10 mil euros:

A limpeza da Sé Catedral de Lisboa está a cargo da Direcção Regional de Cultura de Lisboa e Vale do Tejo, a quem está afecta, e custará entre os 10 mil e os 20 mil euros, mais IVA. Em causa estão as frases alegadamente inscritas por grupos anarquistas, há pelo menos uma semana, na fachada principal daquele monumento.

João Soalheiro, director regional daquele organismo, disse ao DN que já foram desencadeados "os procedimentos de diagnóstico e definição de metodologia a aplicar, através de consulta a entidades credenciadas".

A demora, esclareceu, deve-se à natural fragilidade do edifício em causa, que impossibilita a "aplicação dos métodos usuais no âmbito da limpeza urbana, por serem demasiado intrusivos". Para além disso, há ainda de ter em conta a "morosidade das operações", "entre os 20 e os 45 dias".

Ao todo, e dependendo das metodologias a ser aplicadas, o custo total dos trabalhos variará entre os 10 mil e os 20 mil euros, mais IVA.

Por esclarecer continua a situação do Mosteiro de S. Vicente de Fora, onde está sediado o Patriarcado de Lisboa. O DN tentou, durante o dia de ontem, contactar aquela instituição, mas tal não foi possível até ao fecho desta edição.

João Camolas, assessor de imprensa do Gabinete do vereador José Sá Fernandes, responsável pelo Pelouro de Ambiente Urbano e Espaço Público da Câmara de Lisboa, também sublinhou ao DN que a técnica de limpeza deste tipo de edifícios "é muito mais sensível" do que a habitualmente utilizada na remoção dos graffiti, como aconteceu recentemente no Bairro Alto.

Certo é que inscrições cobrem as fachadas dos dois edifícios em causa há já algumas semanas. Para João Baioneto, responsável pelo pelouro do Património da Junta de Freguesia da Sé, o problema principal está no facto de ter quase a certeza de que, após a limpeza que "mais cedo ou mais tarde" terá lugar, os graffiti voltarão a aparecer.

Defende, por isso, que "o que é preciso é que as pessoas se sensibilizem" do respeito que é preciso ter pelos monumentos, principalmente quando em causa está um edifício que "fez há dias 863 anos", como é o caso da Sé Catedral.

DEDICO AQUI ESTAS CURTAS FRASES PARA ESTES GRUPOS DE VANDÂLOS E DE GENTE PIOLHOSA SEM RESPEITO PELO PATRIMÓNIO HISTÓRICO DESTE PAÍS:

EMIGREM PARA BEM LONGE QUE PORTUGAL NÃO PRECISA DE ESCUMALHA COMO VOCÊS!!!

OS LUGARES HISTÓRICOS NÃO SÃO PARA SER GRAFITADOS!!!

GRAFITEM ANTES AS POCILGAS ONDE VOCÊS VIVEM!!!

terça-feira, novembro 02, 2010

Concerto a não perder ! ! ! É já esta semana ! ! ! UK 77 Punk Rock Influenced Band ! ! !


Rock das Cadeias: Novembro 2010
Get your own Box.net widget and share anywhere!